Soke Takamatsu

Nenriki Dojo Pergaminho Site 020

Toshitsugu Takamatsu foi o 33º Soke e o professor do 34º Soke Masaaki Hatsumi. Nasceu no 23º ano da Era Meiji, a 10 de Março, 1887, numa cidade chamada Akashi na região de Hyogo.

 

O seu primeiro nome foi Hisatsugu, nome que mudou mais tarde para Toshitsugu. O seu pai, Yasaburo queria que ele se alistasse no Exército, mas ele era uma criança doente e o seu avô, Toda Shinryuken Masamitsu foi chamado.

 

Toda sentiu que as artes marciais podiam ajudar a criança a ficar mais forte para além de ganhar auto-confiança; e então, Toshitsugu começou a treinar artes marciais no Dojo do seu avô, quando era criança. Toda era o dono de uma clínica de osteopatia e de um Dojo de artes marciais numa cidade chamada Kobe, onde era bastante conhecido por ser o Soke de um sistema de luta denominado de Shinden Fudo Ryu Jutai Jutsu.

 

 

Desde cedo, Toda notou que Toshitsugu era muito dotado para as artes marciais. Toda possuia ensinamentos vindos dos Samurais e a sua família provinha da província de Iga. Alguns deles eram provenientes de Takao, uma província situada nas zonas montanhosas de Iga, e alguns deles eram, praticantes de Ninjutsu. Toda Soke também escreveu livros sobre tácticas militares para a Royal Military Academy. Ele decidiu passar os seus ensinamentos para Toshitsugu, e deu a Toshitsugu, os Menkyo Kaiden nas seguintes Escolas:

  • Shinden Fudo Ryu
  • Togakure Ryu Ninpo
  • Kumogakure Ryu
  • Gyokushin Ryu
  • Koto Ryu Koppo Jutsu
  • Gyokko Ryu Koshi Jutsu

Logo após a morte de Toda Shinryuken Masamitsu em 1909, Toshitsugu sucedeu ao seu avô e tornou-se o 33º Soke. Durante a sua juventude, Takamatsu também estudou a Takagi Yoshin Ryu no Dojo de Sensei Mizuta Yoshitaro Tadaduse e recebeu o seu Menkyo Kaiden em 1096. No mesmo ano ele conheceu o primo da sua família, Sensei Ishitani Matsutaro Takegage que trabalhava como guarda-costas na fábrica de fósforos que era do pai de Takamatsu.

Sensei Ishitani, que era conhecido no Japão pela sua arte guerreira, construiu um pequeno Dojo na fábrica e aí, ensinou ao jovem Takamatsu a Kukushinden Ryu, Hontai Takagi Yoshin Ryu e Gikan Ryu, Shinden Muso Ryu e também alguns outros aspectos das escolas de Ninjutsu.

Ishitani Sensei morreu em 1910 e Takamatsu tornou-se Soke da Gikan Ryu e da Kukishinden Ryu. Pouco depois, Takamatsu viajou para a China, entre outras razões, para testar os seus ensinamentos, que já não era possível fazê-lo no Japão e também porque a China estava em guerra. Takamatsu dominou 18 artes marciais Chinesas e Coreanas. Na China e na Mongólia onde viveu por um período de 10 anos, foi apelidado de "O Tigre da Mongólia" por causa da sua maneira de combater.

Ele teve um papel crucial na comunidade de artes marciais na China, e em 1914 ele fundou a Comunidade Sino-Japonesa de Artes Marciais. Para sobreviver, ele dava lições de artes marciais durante o tempo que tinha estado na China para além de ter tido numerosos duelos com os grandes mestres , sendo estes duelos de vida ou morte, Takamatsu nunca perdeu um único combate. Em 1919, Takamatsu regressou ao Japão, onde se juntou aos guerreiros que existiam nas montanhas de Hiei, perto de Kyoto.  Já idoso, ele estava a gerir uma pequena casa de chá e um hotel numa cidade chamada de Kashiwabara na região de Nara, e também dava lições de Ninjutsu a um grupo de estudantes.

O seu Dojo chamava-se Sakushin. Em 1950 tomou um novo aluno chamado Hatsumi Yoshiaki que tinha 26 anos. Nos próximos 15 anos ele instruiu Hatsumi, que viajava quase todos os fins de semana pelo Japão apenas para aprender do seu grande mestre. Poucos anos antes de morrer, Takamatsu disse a Hatsumi que ele lhe tinha ensinado tudo aquilo que sabia. Ele disse aos outros estudantes que deixaria tudo nas mãos de Hatsumi, porque ele sentiu que era a pessoa ideal para tal. Então, Hatsumi tornou-se oficialmente Soke.

Takamatsu Sensei morreu pouco depois, no dia 2 de Abril de 1972, quando tinha 85 anos de idade. Ele treinou ativamente até aos 80 anos, mas sempre continuando a orientar o treino de Hatsumi Sensei. Em memória ao seu mestre, Hatsumi Soke deu o nome de Bujinkan Dojo ao seu Dojo, que significa "A Casa do Guerreiro Divino".

Takamatsu Soke era conhecido por ser mestre em Jujutsu e Bojutsu. Apenas poucas pessoas conheciam o fato de Takamatsu Sensei ser o último representante da rica tradição que é o Ninjutsu. Era dito que os seus vizinhos ficaram espantados quando descobriram que ele era um guerreiro Ninja. Foi assim que mais uma lenda sobre "O Guerreiro Divino Tigre da Mongólia" foi criada. Takamatsu Sensei foi um grande homem e um exemplo de um verdadeiro artista marcial.